ÉVORAFIP

Artigos

Engenharia e Comunicação

O que são as Relações Públicas?

 
Photo by  Austin Distel  on  Unsplash
 

Muitas vezes, quando se fala em “Relações Públicas”, pensa-se automaticamente naqueles rapazes e raparigas jovens às portas das discotecas, a fazerem publicidade às mesmas. De facto, o termo “RP” ficou tão associado à vida noturna que o verdadeiro trabalho por trás da área é considerado algo depreciativo. E, como iremos ver, a área das RP sempre foi olhada de lado pelos pares da Comunicação.

No entanto, o trabalho desses jovens para as ditas discotecas até é realmente Relações Públicas, na medida em que têm de manter contactos e relacionamentos para ter sucesso. Mas tudo isso confinado e adaptado àquele universo das saídas noturnas. Então, o que é afinal o trabalho de um RP?

 

Definição

De acordo com a PRSA (Sociedade Americana de Relações Públicas), a definição de Relações Públicas é…

“um processo estratégico de comunicação que constrói relações de benefício mútuo entre as organizações e seus públicos.”

O importante é perceber que a palavra-chave desta área é a reputação. Ou seja, qualquer empresa ou negócio, para poder prosperar, tem de ter uma boa reputação junto do público. É esta perceção que as pessoas têm de determinada empresa que é trabalhada pelo profissional de RP. Isto significa proteger, manter e/ou criar uma boa imagem através dos media junto do público.

 

O que faz um profissional da área?

O comunicado de imprensa (press release) é a ferramenta de trabalho mais popular dos RP’s. Este consiste num anúncio aos meios de comunicação sobre determinadas atividades de uma empresa. Há que o redigir de forma correta, ter cuidado na escolha de palavras e do porta-voz, e até mesmo do momento em que é enviado. Quando mal feito, um comunicado de imprensa pode causar desentendimentos e reações adversas, podendo resultar em verdadeiras crises para a organização. No entanto, se for bem redigido, pode resultar numa perceção positiva nos media e no público.

Mas esta não é a única tarefa destes profissionais. Estão também encarregues de:

·       organizar eventos (internos ou externos);

·       conduzir pesquisas de mercado;

·       gerir contactos e relações com a comunidade externa, a comunidade interna e os media;

·       gerir crises;

·       produzir conteúdo;

·       lidar com opiniões, comentários e críticas.

 

Conclusão

É impossível imaginar a existência das Relações Públicas sem uma relação com outras áreas. Estas convivem diretamente com o marketing, o jornalismo e outras áreas empresariais: as estratégias comunicacionais são indispensáveis para que as estratégias de marketing funcionem, e vice-versa.

Os meios de comunicação social são essenciais para o trabalho dos Relações Públicas. É através dos jornalistas que determinado evento se torna notícia e, assim, se consegue atingir um maior número de pessoas.